Um método e um canvas para cenários prospectivos

Um canvas ilustrativo, inspirado no método Godet para cenários prospectivos e no Strategic Proposal de Ash Maurya. Instanciando-os, caso-a-caso, lançando mão de nossa toolbox, conforme necessário para estratégia como as 5 forças de porter e BCG, causalidade como ishikawa e learning canvas, ideação como 5w2h e ‘8, tática com MVP, BMC, Value Proposition.

Um canvas é mais que um quadro com linhas e colunas, ele ilustra e sintetiza um método (“processo organizado, lógico e sistemático de pesquisa, instrução, investigação, …”); por onde começar, passos para chegar onde é preciso.

Frente a esta crise, mais que nunca é preciso subir nos ombros de gigantes, aplicar método, abrir a caixa de ferramentas, buscar referências para aplicar boas práticas e técnicas. O objetivo é virar o jogo, recuperar o controle, reagir, para isso uma só fonte não resolve, é preciso compilar, sintetizar seu caminho baseado em sua história, realidade e mercado.

Cenários prospectivos, um exercício saudável para famílias, profissionais em relação a sua carreira, a empresas, áreas e equipes em relação a mercados, negócios, produtos, serviços, processos. Mais que nunca, tudo o que compartilho sobre técnicas e boas práticas, métodos e frameworks, canvas e mapas, desde o planejamento de carreira, estratégia de negócios, projetos e operações.

Uma dinâmica que conforme nível de abstração desejada, pode ser realizar em um dia ou vários, cfe contexto e complexidade, mas evite o overhead que exaure e acaba por distorcer os resultados. Inicie por uma análise situacional, mapeie cenários, trabalhe o design de hipóteses a serem validadas em ciclos curtos de experimentação e feedback, privilegiando pilotos, protótipos e simulações.

O canvas pode ser usado de forma inspiracional, podemos montar um quadro no Miro de forma a construir da esquerda para a esquerda este storytelling inicial, seguido da prospecção de cenários para então idear planos de ações para validação de hipóteses e metas:

[1] SITUAÇÃO INICIAL – Aquilo que é histórico, a estratégia, tática, quais eram os planos, qual era a estrutura e o curso. Aquelas que serão as variáveis essenciais selecionadas para mapearmos sua evolução, atualidade e que contribuirão no desenho de cenários e planos;

[1] SITUAÇÃO ATUAL – Onde estamos e o que aconteceu com as nossas variáveis, fatos e eventos, impactos e conquistas. Hora de fazer um auto-diagnóstico, as variáveis mostrarão seu percurso e apontarão tendências quando cruzadas com as 5 forças de Porter e mais;

[1] SWOT – É fundamental e inspiracional discutir de forma ampla e irrestrita tudo aquilo que nos fortalece e fragiliza, tanto quanto tudo o que percebemos como oportunidades e ameaças, por isso simbolizei como uma matriz SWOT, analisando aspectos internos e externos;

[2] CENÁRIOS PROSPECTIVOS – Impossível aqui não citar técnicas e boas práticas do design thinking para braisntorming, para abrir a mente, imaginar cenários, discutindo e materializando o substrato que o alimenta, a realidade que o denuncia, as ações que o projetam;

[3] IDEAÇÃO – Frente a situação atual e cenários prospectados, hora de idear para planejar como induzi-los à realidade. Aqui podemos usar técnicas de ideação semelhantes àquelas usadas na construção de cenários, provocando criatividade, inovação e empreendedorismo;

[3] GOALS – Como em muitas técnicas situacionais, queremos mesmo é entender quem somos, por onde vamos, para chegar em onde queremos chegar e o que fazer para chegar lá. A tempo, em momentos de crise é preciso desapegar do óbvio e ousar …;

[3] PLANOS – Conforme granularidade e abstração, aqui poderemos ter o mapa de ideias a iniciativas necessárias, podendo chegar ao planejamento de um plano de ação … o tempo, a expectativa e meta acordada regerão a técnica e a profundidade que teremos.

O método Godet propõe análises macro e micro com o objetivo de mapear certezas e incertezas, que serão substrato para o desenho de cenários futuros e abstração da probabilidade de cada um materializar-se. Um exercício repetido por muitas empresas, explicitamente em cases da área de tecnologia, mas útil e pertinente em diferentes granularidades a nível pessoal, time, área, negócio, empresa, produto, …

Ref.1: MÉTODO GODET / Cenários Prospectivos

Um resgate ao compartilhamento sobre cenários prospectivos como base inspiracional para estratégia, essencial e impositiva em momentos de crise como esta pandemia do covid-19 em que quase todas as empresas se veem ameaçadas e é preciso se reinventar, temporariamente ou definitivamente. Para subsidiar mais um pouco sobre cenários prospectivos, o modelo conceitual do método Godet, iniciando (1) na delimitação daquilo que é o sistema e ambiente a ser trabalhado, (2) na análise retrospectiva e situacional, (3) condicionantes na forma de mediadores e moderadores, (4) desenho de cenários a serem (5) debatidos e compreendidos, para (6) montar planos estratégicos a serem validados – http://www.anpad.org.br/diversos/down_zips/58/ESO1387.pdf

Ref.2: STRATEGIC PROPOSAL (Ash Maurya)

Mapeamento e modelagem inicial, estratégica – AS IS x TO BE. Preferencialmente com um mix de interessados, somando diferentes prismas e percepções, participam na construção de um entendimento do que é o desafio e qual é a solução melhor percebida – http://leanstack.com/the-power-of-a-good-strategy

strategy-proposal

Case: UM INSTANCIAMENTO PARA COACHING DE CARREIRA

Com frequência, jovens e alunos, alguns veteranos também, me procuram para ajudar a quebrar alguns paradigmas, refletir e materializar um plano de carreira. Para ajudar é preciso resgatar sua história, aspectos essenciais, ajudar a melhor mapear e organizar seu contexto, referências, novas atitudes e principalmente, estabelecer objetivos e planos. De cima para baixo, trata-se de um instanciamento do canvas proposto mais acima, postado há um mês para coaching à jovens, no objetivo de conhecê-lo (situacional), networking, profissionais e empresas (cenários) e plano de ação. A primeira página é a situação atual, a primeira parte da segunda são cenários e embaixo o planejamento. – https://jorgeaudy.com/…planejamento-de-carreira-de-jovens…/

carreira

 

 

 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s