Somos sapos ou gatos na grande panela universal

Tem a história do sapo que entra em uma panela com água fria e não percebe o tempo passar, a temperatura subir, usando a habilidade de compensar sua temperatura interna, gastando toda sua energia nisso, e quando quer sair, já não tem mais energia suficiente para isso.

Por outro lado, tem os gatos, animaizinhos que sabem o que querem e o que não querem, que estão sempre alertas, por mais que estejam satisfeitos onde estiverem, não aceitam algo que não esteja de acordo, não ficam passivos, ao contrário, buscam uma relação entre iguais.

. O quanto está feliz e seu trabalho tem um propósito que o instiga?
. O quanto você cresceu em 2018 e o quanto foi reconhecido por isso?
. O que aprendeu e o quanto isso o ajuda a crescer na sua carreira?
. O quanto você acredita naquilo que faz, nos meios e resultados?
. O quanto continua sonhando, esforçando-se a ser o que quer ser?

A questão não é (só) dinheiro, a questão é VIVER, 1/3 de nossa vida é trabalho, 1/3 é descanso e 1/3 é tudo o mais, temos 2/3 acordados que merecem nosso esforço em  aprender, crescer, sermos felizes e evoluírmos, … de olho no futuro que queremos e só nós mesmos podemos fazer acontecer.

sapo

Não seja o sapo que fica dentro da panela sem olhar para fora, gastando todas as suas energias para “sobreviver” ao invés de “viver”. Inquiete-se, aproveite o final deste ano e monte um mapa dos sonhos, uma roda da vida, um business model you, … planeje um 2019 de mudanças para melhor.

Era do conhecimento

Somente percebemos se estamos em movimento se houver pontos de referência, é como um avião no céu, parece estar parado se não houver nuvens, pássaros ou outros aviões. O mesmo com um barco a deriva se não houver estrelas, então precisamos interagir para nos lembrar se estamos andando ou parados.

A chave para estar atento, aberto às boas oportunidades é um bom networking, então participe de uma interação mensal com o mercado, quer em um GU, CoP, Fóruns ou eventos, conheça e se faça conhecer, acima de tudo isso é um antídoto à síndrome do sapo na panela.

Se a cada mês analisar a agenda de eventos e oportunidades, a maioria gratuitas, chegará a conclusão que vale a pena perder a novela ou o jogo uma vez a cada mês para participar e aprender algo novo, aprofundar, compartilhar, conhecer gente.

Dicas e Conclusão

Se você não explicita para você mesmo o que quer, então qualquer coisa estará de bom tamanho, sem objetivos tanto faz. Auto-conhecimento faz com que você não seja aquele sujeito que fica gastando energia só em se adaptar, os 10 ítens abaixo podem ajudar:

#1. Seja fiel as suas crenças e princípios, siga-os;
#2. Acredite em você mesmo, mas tenha parceiros de viajem;
#3. Sonhe e planeje um passo de cada vez, tenha metas de curto prazo;
#4. Incomode-se, sempre tente ampliar a sua zona de conforto;
#5. Você é um só, equilibre sua vida pessoal e profissional;
#6. Poucos limites são definitivos, tente superá-los;
#7. Preocupe-se mais com você e menos com os outros;
#8. Não tenha medo, arrisque e aprenda com seus erros;
#9. Somos mortais, não entre em postergação indefinida;
#10. Curta a viajem e seja Feliz! :o)

Desde cedo aprendi que se não trabalhamos diariamente para nossos sonhos, tão somente trabalhamos para quem os tem e paga para que outros (enquanto lhe são úteis) se dediquem a sua construção. Que todos tenham um 2019 com desafios, em movimento, como gatos e não como sapos!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s