Quadro de Tarefas pode ser muito mais que isso

Mesmo usando uma ferramenta ALM onde estão as informações e apropriações relativas a cada história e tarefa, um bom quadro Kanban na parede com postits simplificados é um artefato de valor. O mínimo e maior valor de um quadro é fluxo de status das tarefas e contexto. Vamos supôr que você escolheu ser o Darth Vader, o seu colega será o Chewbacca e uma colega escolhe a princesa Léia:

avatares-star-wars-pt

Ter UM só Avatar grande para cada só tem sentido se você usa um quadro de apenas três colunas, mas já argumentei muito contra isso: Morte aos quadros de três colunas! Um time de desenvolvimento de software merece um quadro com colunas de acordo com os status por onde uma tarefa (postit) passa desde a fila geral de TO DO, desenvolvimento, code review, aguardando, fila de testes, fila de homologação, até o DoD aguardando ir para produção.

Se você usa uma ferramenta ALM, postits de papel são apenas uma referência visual física na parede, muito fácil e simples, colocar ali avatares e selos não é nada mais que minutos, então por que não potencializar seu valor? Além disso é possível usar postits de outra cor para os EXTRAS, é possível gerar raias horizontais por história, ter um índice de ocupação da reserva técnica, coisas simples e que geram muita informação visual para apoio a decisões.

kanbans

No quadro de três colunas é um grande desafio gerar convenções para o que está feito e aguardando outras tarefas para poderem ser testados, code review, aquilo que está parado na fila de testes, o que está aguardando homologação, informar exatamente o que está em Done mas não está DoD, etc. Se você tem pouco espaço para o quadro, experimente simplificar as filas e doings, convencione que a fila de testes e homologação ficam abaixo nas suas colunas e o Doing acima.

A coluna de Wait no desenvolvimento é importante para esclarecer o quanto de tarefas estão prontas mas dependem de outras tarefas para liberar uma User Story para testes, pois via de regra isto é uma prática – Até a coluna de Wait as tarefas andam sozinhas e a partir dela seguem várias agrupadas por história, que são então testadas e homologadas.

kanbans-2

Explicita visualmente quem fez somente enquanto o postit está no Doing e depois os postits seguem adiante órfãos. Eu sempre adotei avatares de 1,5 x 1 cm com o nome de guerra abaixo, vários, impressos, recortados e com fita crepe na borda do Kanban, o desenvolvedor colando no postit ao puxar para DOING, mantendo-os colados a partir daí, até a retrospectiva.

O mesmo vale para os selos de bugs, normalmente joaninhas vermelhas para bugs detectados pelo testador e uma bomba para bugs detectados pelo product owner durante a homologação. Esta prática mantém o time ligado caso as joaninhas e bombas comecem a proliferar, elas indicam a volta do postit no fluxo contrário ao esperado, retornando a fila inicial de coisas a fazer.

avatares-star-wars-pt-2

Se o teste é feito por um testador, o Avatar do testador pode ficar apenas no topo da coluna de testes, assim como o do product Owner no topo da coluna de homologação, colocar o avatar do testador e product owner em todos os postits é redundante e só atrapalha, mas afinal, o que queremos saber visualmente é quem desenvolveu cada tarefa para agilizar o acesso e comunicação.

O objetivo não é achar culpados ou expôr, se você pensa isso é porque você ainda não mudou seu modelo mental, o objetivo é transparência e antecipação de riscos e oportunidades para ações e planos de ação. Garanto que uma retrospectiva com um Kanban com selos e observações enriquece muito os insights e os debates decorrentes.

O efeito ficaria como abaixo demonstrado (fora de escala para ficar claro):
kanbans-avatar-selos

Por um lado há defensores dos quadros de três colunas, de apenas um avatar grandão por pessoa, não usar selos de bugs, dizem que dá trabalho, se sentem incomodados com os selos, medo de exposição, etc etc etc.

Tenho bons contra-argumentos, mas o melhor deles é o aprendizado que um bom quadro proporciona, não dá trabalho nenhum, é para ser divertido, e não custa nada experimentar. Mas tem que tentar de verdade, de peito aberto, se divertindo … se não for um aprendizado diário e descontraído, acho que nada disso tem sentido. o/

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s