De comando-controle à auto-organização

De comando-controle à auto-organização

Este artigo relata como foi possível reverter um projeto waterfall para construção de um portal de AgroNegócios, já com cronograma comprometido e com baixa expectativa de entrega no prazo e escopo combinado, em um case de sucesso a partir da introdução de princípios e técnicas ágeis, auto-organização, ransparência e ciclos diários de inspeção e correção de desvios.

O atingimento dos resultados e obtenção de prêmios de inovação deu-se a partir da percepção e conscientização, após meses de gestão centralizada, troca do gerente de projetos, falta de visibilidade, equipes separadas conforme disciplina e inputação de responsabilidade de parte-a-parte a cada dificuldade detectada.

Início “waterfall”

Os primeiros passos iniciaram igual a todos os demais projetos até então, com muitas reuniões focadas em definição de escopo fechado, daquilo que seria desenvolvido pelos próximos 6 meses, com orçamentação das atividades e tarefas em MS-Project.

Além do tradicional cabo de guerra travado pela área de negócios, em que o objetivo primordial é obter da área de desenvolvimento o comprometimento por uma data e custo, mesmo baseada em um escopo sabidamente incompleto e mutável, houveram tres trocas de gerente de projeto logo nos primeiros meses.

Quando começa a dar errado ?

Por contarmos com profissionais com muita experiência em projetos de desenvolvimento, veladamente há o consenso de que haverá um alto custo pessoal para cumprimento da data e escopo combinados. Sabemos que haverá atraso, devido a sucessivas mudanças de escopo e pela falta de tempo para pesquisa, provas de conceitos e o distanciamento entre equipe e cliente.

Após tres meses, a constatação de que o prazo teria que ser postergado em um mês devido as mudanças e dificuldades técnicas enfrentadas e aos quatro meses começou a ficar claro que a falta de transparência e cooperação exigiriam um atraso ainda maior.

Tudo indicava ser mais um projeto em que alguns integrantes puxariam para sí a responsabilidade de ficar várias noites insones, refatorando código, gerando inevitável nomeação dos salvadores da pátria e subterraneamente a responsabilização de culpados.

Poucas técnicas ágeis permitiram a reversão

Faltando 50 dias de projeto houve uma proposta de introdução de técnicas ágeis de projetos, fortemente lastreadas no conceito times auto-organizados e de gestão visual.

O primeiro passo foi uma mudança no layout e agrupamento do time, colocando lado-a-lado todos os profissionais que trabalhavam diretamente no projeto, desde o analista de negócios, designers, analista de SEO, programadores, testador, etc.

O segundo passo foi a criação de uma reunião diária, que inicialmente demorava mais de uma hora, em que todos os problemas e status das tarefas eram apresentados ao grupo e eventualmente desdobrava-se em outras reuniões com fórum reduzido, focadas nas questões mais complexas.

Após vinte dias, o terceiro passo foi a criação de um quadro de tarefas e da formatação da reunião diária em quinze minutos, em que alinhavam as tarefas do dia, solicitavam ajuda, redistribuiam tarefas, gargalos e oportunidades.

No dia dezessete de Agosto, um mês e meio após a mudança de estratégia, foi lançado o novo portal, sem ter consumido horas-extras e sem o stress habitual de final de projeto, pois houve a cada dia transparencia e cooperação nas tomadas de decisão até o atngimento do objetivo desejado por todos.

Agilidade e Scrum – Conclusão

O sucesso na reversão de quadro atraves da introdução de algumas técnicas ágeis, geraram grande expectativa na adoção de práticas de product backlog, definição de release, realização de reuniões de planning, sprints de duas a quatro semanas, retrospectivas, review, dentre outras.

Antes não conheciamos o manifesto ágil e os métodos e frameworks alinhados a esta aboradgem de gestão de projetos ágeis, hoje não sabemos como conseguiamos trabalhar sem o uso destas ferramentas …

Um comentário sobre “De comando-controle à auto-organização

  1. Pingback: Um ano e meio de blog – Obrigado galera! | Jorge Horácio "Kotick" Audy

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s