Mapas mentais, esquemas, diagramas, imagens valem por mil palavras

A pandemia acelerou e ampliou a percepção de que imagens diagramáticas valem por mil palavras ditas ou duas mil escritas, facilmente substituídos com ganhos por alguns shapes e postits coloridos. Em ferramentas hipertextos WYSIWYG e WYSIWIS com vídeo, imagens e documentos, a comparação é abissal e injusta contra áudio, vídeo ou texto.

Entre outras coisas, ao usarmos mapas mentais hiperindexados, como no Miro, usamos ao mesmo tempo nossa memória visual, auditiva e motora, três mecanismos cognitivos complementares. Mais que isso, conforme a ciência, cada um de nós tem diferentes níveis nestes mecanismos e ao usar os três, potencializamos o aprendizado, retenção e compreensão.

Mapas conceituais ou Mapas Mentais são modelos bi ou tri-dimensionais que permitem uma representação gráfica do conhecimento ou de uma narrativa, oferecendo artifícios para representar e interligar conceitos, relações e conectores. A seguir, três tipos de elementos, possibilitando como conceitos uma representação em texto, vídeo, imagem e/ou áudio.

. Conceitos, representados dentro de shapes fechados;
. Relações são as linhas que ligam os conceitos;
. Conectores, termos que representam a relação entre conceitos.

Não se apegue a beleza, mas a informação, é preciso que todos os envolvidos se apropriem e se enxerguem no mapa sendo criado. Entretanto, é preciso se dar conta que após concluída qualquer reunião ou momento coletivo, é possível refinar, dedicar alguns minutos para melhorar o mapa.

Enquanto esta sendo feito é difícil perceber oportunidades de padronização de shapes, cores, informações adicionais, talvez melhor distribuição e conectores. Não importa se matricial ou em rede, sempre dedico um tempo em enquadrar e formatar melhor para que fale por si só.

mapas-2

Conforme a necessidade ou oportunidade que se apresenta, cada um de nós irá montar um mapa singular, segundo seu pensamento, algo único, em forma de teia de aranha, fluxograma, com entradas e saídas, hierárquico, floco de neve, redes bi ou tri dimensionais …

Com a pandemia, cresceu exponencialmente ferramentas que permitem criar mapas mentais usando diferentes softwares, gratuitos, freemium ou pagos, como o CMapTools, Mindmeister, iMindQ, SimpleMind, Prezi, Miro … cada qual com suas possibilidades.

Experimente criar mapas conceituais como forma de fixar conhecimentos, experimente desenhar usando conceitos, relações e conectores. Com a prática encontrará diagramas que reflitam sua própria estrutura mental típica para a construção do conhecimento.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s