Um debate diferente no 14º Congresso do PMI-RS

Dando uma navegada dominical, vejo que a foto do meu debate sobre convergência Agile e gerenciamento tradicional de projetos com o Leandro Vignochi no último Seminário PMI-RS está na capa do evento … aí não pude deixar passar e vou registrar aqui no blog este privilégio.

Esta foi a minha quarta participação, contando com duas palestras, um relato de caso sobre adoção SCRUM e uma pareando com meu eterno guru Paulo Caroli sobre Team Building Games, dois workshops, sobre SCRUM e PDCA, mais este debate diferentão e provocador.

O formato foi muito instigante, baseado em palavras avulsas, algumas propostas pela platéia – auto-organização, lógica, construção, essência, negentropia, propósito – com ótima mediação conduzida pelo Juliano Freitas da Silva.

Um bom debate, com direito a interação com a platéia, com perguntas e sugestões, não sobre um tema definido, mas palavras que nos remeteram a diferentes interpretações, com um saboroso feedback corpo-a-corpo após o encerramento.

Menções honrosas a participação e contatos feitos com profissionais de grandes empresas com quem interagi desde que vim para a DBServer, como da Grendene, Sicredi, GVdasa, HCPA, PUCRS, Banrisul, entre outros, com quem rolou uns papos-cabeça.

Não é um evento qualquer, é um dos maiores eventos sobre gerenciamento de projetos da América Latina, a mais de uma década, já na sua 14ª edição ele reune entre 500 e 1000 profissionais, muitos deles de TI, sempre com grandes nomes nacionais e internacionais.

A página oficial do evento deste ano é http://www.congresso.pmirs.org.br, a seguir faço uma retrospectiva das minhas participações anteriores.

2012 – O primeiro apresentei um story telling sobre o case de adoção SCRUM que realizamos na equipe de produtos digitais do Grupo RBS. Um relato a partir da volta do Agile Brazil de Fortaleza em Julho/2011, plano de ação, treinamento de 74 colegas, a atuação como Scrum Master. Acertos e erros, os detalhes e características de uma adoção de sucesso. Publicação de um artigo deste Blog, sobre Ser Feliz! no trabalho e na carreira, na NewsLetter do PMIRS:

       

2013 – Naquele ano, tive o privilégio de ministrar um curso de SCRUM e de parear com o grande Paulo Caroli em uma palestra sobre os fundamentos do Gamestorming como instrumento de trabalho no desenvolvimento de times de desenvolvimento de software. Quais os princípios comuns utilizados em momentos e cotidiano de um time ágil para gerar um ambiente instigante e energizado:

game2game1imagem 32
curso

2014 – Este ano falei sobre a relevância de levar para as áreas usuárias, de negócios e corporativas as boas práticas e crenças que usamos nas nossas equipes ágeis. Isso, porque técnicas colaborativas e auto-organizadas de visão, planejamento, execução, acompanhamento diário, checagem e aprendizado não é e não originou-se na TI, está na hora de disseminarmos para todos.

10689872_10202292215338624_6592253085703391183_n4

 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s