BackOffice pode ser ágil ?

Desde o início deste ano as nossas palestras sobre métodos ágeis para equipes corporativas e de negócio mudaram de perfil, inicialmente pretendiamos apenas disseminar boas práticas de trabalho em equipe, mas passamos a assistir equipes de backoffice e de negócio se entusiasmarem com o ciclo de DELIVERY do método Scrum e partindo para projetos de adoção.

O ciclo de DELIVERY, iniciando na time box de Sprint Planning, uso de gestão visual com quadro de tarefas customizados, Reuniões Diárias, reviews e as Retrospectivas, já estão sendo planejados ou experimentados por equipes de Call Center e DataBase Marketing, Logística, Tesouraria e Financeiro.

O colega Luiz Parzianello vem desenvolvendo uma revolução nas equipes de RH, que já adotaram e vem evoluindo no uso de técnicas ágeis de trabalho em equipe e gestão visual. Ele tem despertado nossa imaginação quando comenta que o número de quadros de tarefas e dailys estão se proliferando …

Financeiro

Eu tive mais uma reunião com dois colegas, o Vinicius Correa e o Fernando Cunha, eles empenhados na idéia de adoção de um modelo de gestão visual e de alta performance em uma das equipes da área financeira. A discussão girou principalmente em torno do quadro de tarefas, que terá um modelo operacional bastante diferenciado.

Abaixo imagem, supondo que estivessemos na terceira semana do mês, as 2 primeiras semanas já estão no quadro Realizado, a 3ª semana esta em curso no quadro de tarefas (Scrum Board) e as últimas 2 semanas ainda estão aguardando no quadro de Planejamento:

1º. Quadro de Planejamento Mensal – O quadro possui 5 linhas (semanas) por 7 colunas (dias da semana) – A área financeira tem um pack de atividades recorrentes e críticas a cada mês (fechamentos, conciliações, pagamentos, conferências, etc). No início de cada mês ao fazer a análise de feriados, finais de semana e dias úteis, distribuirão os PostIts correspondentes (*) nas datas em que cada uma das atividades devem estar prontas.

(*) A sugestão é termos um pack de PostIts plastificado

2º. Scrum Board – No início de cada semana do mês, traz-se toda a linha da semana que inicia do quadro de planejamento mensal para a coluna TO DO do quadro de tarefas.

3º. Quadro de Execução mensal – Igual ao quadro de planejamento, mas este, a partir do final da primeira semana, receberá as atividades concluídas no Scrum Board, na coluna DOING, que devem ser movida para a linha da semana que acabou no quadro de execução mensal.

4º. Quadros auxiliares – Teremos pequenos quadros auxilares, para impedimentos, lembretes para retrospectiva, pacto de time, ausências(férias e feriadões programados) e o que mais o time desejar tornar visível.

Com PostIts contendo data-marco, tempo estimado de dedicação para realizar a atividade, data limite para início e selos para identificar atraso na execução, extras e impedimentos, podendo inclusive ter-se no verso registro dos dados básicos mês-a-mês, assim manteremos todas as informações, que proporcionará aprendizado e oportunidades para melhoria continua.

Já citados, teremos sprints de ciclo mensal, planning, quadro e daily, completa o ciclo com review e retrospectiva. O review seria para alinhar com os keyusers das áreas clientes e eventualmente diretoria uma visão de planejamento, extras, impedimentos, avanços e melhorias, oportunidades e desafios … estou louco para ver rodando, confirmar o pressuposto de que vai dar Samba!   🙂

5 comentários

  1. Bela inicitativa Jorge! Na realidade, eu sou o mais um dos “chatos” que ficam disseminando os conceitos, princípios e práticas da cultura ágil aqui na empresa … 😉 Quanto ao RH, vimos o projeto de implantação do programa de Avaliação de Desempenho Profissional (incluindo o desenvolvimento do sistema de avaliação de resultados e competências pessoais) ser desenvolvido dentro do prazo, sem stress e com alta motivação da equipe e aprovação dos usuários após nossa colega Thais Dalcin ter entrado de cabeça em modelos como Scrum, Agile Business Analysis, Lean Startup, etc. No recrutamento e seleção, temos o caso da colega Vanessa Frainer, que entendeu os princípios do kanban e o aplicou às equipes de POA e Floripa, com grande êxito na conquista de melhores resultados (principalmente na motivação das equipes, definição do processo e diretrizes, identificação de gargalos, atuação na melhoria, etc.). Em resumo, fora do universo de desenvolvimento de software, a dobradinha Scrum+Kanban (ScrumBan) tem sido mais do que suficiente para provocar grandes mudanças nas mais diferentes áreas da organização. Abraços e keep this blog alive!

    Curtir

  2. É um momento muito especial que estamos passando na tesouraria, buscando conhecimento sobre Metodologia Ágil e traze-lá ao nosso dia a dia , estamos nos empenhando ao máximo, o Jorge e o Marco estão nos dando um apoio sensacional, e particularmente eu não tenho duvidas que com muito trabalho vamos colher frutos logo logo….

    Curtir

  3. Implantamos o kanban na área de recrutamento e seleção de Santa Catarina na metade do mês de abril e já podemos perceber 2 mudanças concretas: atuação conjunta e multidisciplinar da equipe na solução de problemas e incremento substancial nas entregas.
    Começamos com a montagem do kanban, estabelecemos reuniões semanais e reuniões diárias e, por fim, definimos quesitos de priorização das entregas, os quais são sistematicamente revisados.
    Em resumo, de abril até junho, tivemos uma redução no backlog de 13% (total de vagas) e de 44% (vagas com mais de 90 dias em aberto), sendo que o nosso índice de aprovação de candidatos no comitê de avaliação passou de 63% (jan-mar/2012) para 93% (abril-julho/2012).
    Com certeza a motivação e o foco da equipe nas priorizações e na resolução de problemas simples, mas recorrentes, foi o maior diferencial nestes últimos 75 dias de trabalho! Ainda temos muitos ajustes a fazer, mas ainda assim, a equipe já está muito mais produtiva e motivada! Parzianello: obrigada por todas as dicas e esclarecimentos sobre o método, certamente não conseguiríamos sem o teu apoio!!

    Curtir

  4. Aqui na área de DBM já tivemos também muitos resultados com a aplicação da metodologia. Estamos em nosso sexto Planning, cada um de 10 dias úteis, e, aos poucos, estamos dominando cada vez mais nossa rotina de trabalho e sendo mais ágeis na entregas.
    Aprendemos a nos planejar melhor, conseguir cumprir os prazos de entrega dos nossos clientes internos e dominar o tempo de cada tarefa, de forma que começamos concluindo apenas 50% das tarefas planejadas e já estamos em 73%. Nossa meta é chegar a 95%, mas para isto temos que conhecer cada vez mais o nosso tempo que é gasto com demandas extras, que chegam sempre, mas não temos como planejar.
    Na última reunião de retrospectiva, a equipe se mostrou bastante madura com relação à primeira, trazendo os pontos que incomodavam e como poderíamos melhorar. O time está bem contente com o método e já não conseguem mais ficar sem!
    Enfim, agradeço ao Jorge e ao Marlon por todo o apoio dado neste momento de implantação do método. Estamos evoluindo e aos poucos estamos chegando no modelo ideal de trabalho para nossas áreas.

    Curtir

Deixe uma resposta para Marco Migliavacca Cancelar resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s