Inovação fechada, intrapreneurship e programas internos

Intraempreendedorismo ou “empreendedor interno”, dentro dos limites da organização. Cada vez mais empresas criam programas de incentivo a que seus colaboradores usem suas habilidades empreendedoras no seu dia a dia, dando oportunidade àqueles interessados em soluções ou melhorias criativas e inovadoras.

Empreender – verbo transitivo direto, decidir realizar (tarefa difícil e trabalhosa); tentar. Pôr em execução; realizar.

Inovar – verbo transitivo direto, tornar novo; renovar. Introduzir novidade em; fazer algo como não era feito antes.

O intraempreendedorismo, além do interesse nos negócios, incentiva novas competências, hard e soft skills em seus profissionais, tornando-se uma alavanca para novas formas de fazer, pensamento lateral (Edward de Bono), ambidestria organizacional (Charles O’Reilly III e Michael Tushman), capacidade de absorção (Wesley Cohen e Daniel Levinthal).

Reza a lenda que o botão de curtir do Facebook surgiu em um Hack Day, um dia dedicado ao intraempreendedorismo promovido pelo Face periodicamente. Outra história aponta que o modelo do GMail surgiu de um projeto pessoal no Google, empresa que permite que qualquer colaborador tenha e dedique-se a projetos inovadores auto-propostos em até 20% de seu tempo.

INOVAÇÃO FECHADA

Na inovação fechada temos uma abordagem onde a inovação acontece fruto do investimento da própria empresa em pessoas e processos com foco direto ou indireto em inovação. Fruto de processos internos, desde a ideação, produção e comercialização, a propriedade intelectual está sob controle da empresa, sem envolvimento de agentes externos.

PROGRAMAS INTERNOS

. HACK DAY é um dia dedicado a inovação e intraempreendorismo, todas as equipes e profissionais podem participar, dedicando-se em horário comercial a pensar soluções criativas e inovadoras;

. HACKATON, é uma maratona de 24, 48 ou 52 horas, que forma equipes para iniciarem na ideação, modelagem e prototipação ou mesmo desenvolvimento de um MVP;

. AGENTES, empresas selecionam integrantes de cada área da empresa para terem treinamentos, receberem mentorias e realizar experimentos, para depois disseminarem estas ideias;

. BANCA, muitas empresas tem programas para submissão de ideias, triagens e curadoria, encerrando com as melhores frente a uma banca … e vencedores;

. EVENTOS, cada vez mais comuns eventos internos onde as empresas trazem cases internos inovadores e convidados para compartilhar cases externos e conhecimento;

. CoP são comunidades de prática (Chapters), onde profissionais de mesma função reunem-se periodicamente para incentivar o desenvolvimento e crescimento contínuo;

. GE ou grupos de estudos (guildas), também chamados de grupos de interesse, quando um grupo se reúne com frequência para estudar algo que pretende aprender e aplicar;

. P&D, é claro que áreas de pesquisa e desenvolvimento continuam existindo, empoderadas especificamente para desenvolvimento de novos produtos e serviços;

. ÁREA DE INOVAÇÃO – Pode haver diretor de inovação, head de inovação, plano diretor de inovação, com áreas e profissionais dedicados a estimular e orquestrar uma cultura de inovação.

COMBINAÇÃO (Gartner)

O modelo mais assertivo sobre a cultura de negócios, soluções, projetos e operações inovadoras é conhecido como modelo de combinação – Lean Startup, Design Thinking, Agile e Growth Hacking … que tem muito a ver com empreendedorismo e intraempreendedorismo para todos … inovar no dia a dia é tão importante quanto lançar um novo produto.

Nestas abordagens, maximizamos a comunicação e a resposta a feedbacks constantes com a intenção explícita em melhorar continuamente. Assim, geramos exemplos de inovação em processos, ferramentas, ambiente, no relacionamento e interação entre pessoas, porque pressupomos protagonismo, individual e coletivo, ação, mudança em direção ao novo.

A evolução e desenvolvimento das abordagens contidas no modelo de combinação é o grande rotor que vem tracionando empresas de todos os portes a inovarem de forma aberta e fechada, centralizada ou descentralizada – “Fazer certo a coisa certa!” e “Empatia e agilidade para encontrar aquilo que realmente é preciso!”.

https://mint.intuit.com/blog/relationships/what-is-intrapreneurship-5811/

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s