BrainStorming

Brainstorming, “tempestade de ideias” ou “toró de parpite” é a arte de fazer um debate em grupo na busca de uma solução ou inovação, é explorar a criatividade e conhecimento de cada participante em prol de uma solução em que todos contribuíram, onde ao final ninguém é o gênio que criou a solução, simplesmente porque a solução foi além do que cada um teria criado sozinho.

Técnicas comuns para debates em grande grupo ou para resolução de problemas também são extremamente úteis para brainstormings, como Open Space, World Café, Fishbowl, Oficina de futuro, Ishikawa, … Jogos que desafiam a criatividade também são úteis de serem usados em aquecimento.

Ex1: Técnicas como Mapas Mentais podem ser colaborativas em brainstormings, usando uma grande folha no centro da mesa, colocando ao centro o tema ou desafio, a partir dele todos contribuem com ideias e informações, agrupando-as e evoluindo, selecionando ou qualificando.

Ex2: Pensamento lateral é uma técnica semelhante ao improviso criativo com story cubes, dado um desafio escolhemos aleatoriamente uma palavra ou imagem em uma revista ou material impresso e a parir dela debatemos criativamente como desenvolver a partir dela.

Na verdade, como preconizado no livro Gamestorming há 10 anos atrás, quase todas as técnicas de planejamento, team building, resolução de problemas ou gestão do conhecimento são amparadas em conceitos de gamificação, onde temos co-criação, participação efetiva, desafios sobre ideias e opiniões em quantidade, debate de qualidade, tomadas de decisão e planos de ação.

7 Simple Rules of Brainstorming – IDEO U

2 comentários

  1. Nada a ver com o tema, mas foi o conteto contigo que encontrei.
    Lendo uma reportagem sobre como educar crianças, me deparo com o seguinte trecho:

    “A tarefa não é fácil e para ajudar os pais a driblar essa necessidade da criança e mostrar para elas quais são as regras Marcelo dá a dica dos 5 pontos que devem ser ensinados:

    Planejar
    Antecipar
    Compartilhar suas emoções e sentimentos
    Fazer uma rotina
    Questionar”

    Familiar? Acho que vale uma reflexão :o)

    Link completo: http://revistapaisefilhos.uol.com.br/nossa-crianca/educacao-com-coerencia-nao-causa-trauma

    Curtir

    1. Vale sim, mas tu puxou o princípio de tudo, educar é fácil na teoria e difícil na prática, sou pai e chefe escoteiro, mas não é muito diferente em equipes que usam métodos ágeis, é muito mais fácil ser ditador que democrata, tratar as crianças ou pessoas adultas como indivíduos é um grande desafio para todos nós … sou apaixonado pela filosofia construtivista exatamente porque vê que cada um é diferente e tem algo a desenvolver, algo a contribuir, crescer, … Vive la difference! Abração!

      Curtir

Deixe uma resposta para Jorge Kotick Audy Cancelar resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s